música, Nostalgia

Metal, Rock e Jogos – Soundtracks Memoráveis

“uma compilação explosiva das melhores músicas de Metal/Rock presentes em jogos. epicTR00” (Gamespot)

“rsrssr é brinks nao vai me processar eim gamespot” (eu)

Música e jogos sempre formaram uma combinação perfeita. Claro, arte visual fica melhor acompanhada de música. Estava eu hoje escutando uma trilha bem metálica de um jogo e acabei lembrando de várias trilhas de jogos no mesmo estilo que eu curtia. Dai pensei: “Deixa eu recapitular isso [em forma de post]”
Se fomos então recapitular na ordem cronologica, acho que o jogo que vem a cabeça de muitos é o Rock’n Roll Racing. Muito provavelmente não foi o primeiro que utilizou do Rock em sua trilha sonora, mas foi o primeiro que se destacou bastante por isso. A trilha sonora deste tinha Black Sabbath, Deep Purple, Steppenwolf entre outros grandes nomes, mas a ideia aqui não é falar de jogos que colocam músicas de álbuns de terceiros e sim de trilha sonora ~paulera~ compostas para os jogos.
Vamos começar então da época em que a música era feita na mãozona mesmo, ou seja, sintetizada, programada, samples sequenciais, nada mais tr00 que isso \,,///\,,//\/
Obs.: Coloquei no máximo 1 minuto de cada música a 128kbps. Dá mais ou menos 1MB por amostra. Assim você não vai ficar esperando carregar toda uma música se você não gostou e nem precisa de uma conexão tão boa pra carregar.

8 bits

Não lembrei de nenhum exemplo até o momento de fechar o post. Mas saca só a versão que fiz pra música do castelo do Alex Kidd in Miracle World #PUBLI

16 bits

Agora a gente tem mais coisa pra falar, pois a evolução não foi só gráfica, mas também no áudio permitindo timbres mais complexos.
Road Rash 3 (corrida – MegaDrive)
A música da introdução de Road Rash 3 é bem empolgante. Eu costumava deixar ela rolar toda até escolher uma opção de jogo (SO DOENTE TO NEM AI VLW). Ainda vou fazer uma versão analógica bem produzida dessa. Pode acreditá-lo. O jogo tem outras músicas com ótimos riffs. A da Itália tem um riff simulando uma tarantella. A do Brasil tem uns apitinhos de samba (y)
Chuck Rock (aventura/plataforma – MegaDrive)
Essa música da intro é bem um Rock meio que progressivo, meio que um Deep Purple. Principalmente no solinho de teclado. Na animação da intro os personagems acompanham o tempo ainda tocando os intrumentos.
Nostalgia

O cara do “Toasty” de Mortal Kombat

Lembram quando esse cara aparecia enquanto jogava MK:

Não era tão grande assim né
Não era tão grande assim né O_o

Na época não sabiamos nada sobre tal figura. Nem sabiamos o que ele dizia.. parecia algo como “UUUPIII”. Era uma lenda dos jogos. Mas hoje temos internet…

O cara se chama Dan Forden e é (ou era) gerente de áudio da Midway. Ele inventou o tal “toasty” enquanto ele e a equipe testavam MKII.

Ele toca guitarra, baixo e teclado e compôs músicas para diversos jogos de Pinball nos anos 80. Chegou a tocar numa tal de banda chamada “Cheer Accident“.

Existiam alguns truques que podiam ser feitos enquanto aparecia a imagem de Dan, um deles é para lutar contra Smoke.

Dizem até que se congelar alguém em “danger” mode no MK3 ele diz “Frosty!” . E também no MK3 seu nome aparece num dos num dos túmulos do cenário do cemitério.

O IMDB tem até uma página sobre o cara. Mas quando o jogo passou a ser 3D o “Toasty Guy” se aposentou..

Para quem quer escutar de novo o gritinho nostálgico:

Um pouco mais em: http://www.en.game-ost.ru/composers.php?action=info&composer_id=79